Neymar e o analfabetismo funcional

Eu, ainda estagiário, com Neymar, que ainda não conhecia o Michel Teló

Volto ao Guigo News escrevendo sobre a relação entre o popstar brasileiro e craque de futebol, Neymar, e o analfabetismo funcional dos jovens brasileiros.

Uma vez, em 2009, eu fiz uma brincadeira aqui no blog de um bate-papo muito rápido que eu tive com o Neymar nos corredores da Band. Algo do tipo: “E aí, beleza? Beleza.”

O Neymar ainda não era famoso. Não era nada que é hoje. Era um menino normal.

Leia o post aqui. E leia também as mensagens dos fãs do jogador.

Acredite, recebi mais de 500 mensagens de pessoas de tudo quanto é tipo.

Em sua maioria, meninas apaixonadas. Mensagens de: “Neymar, me engravida”, “Eu te s2 Ney”, “Vc é linduuu D+” e coisas piores….

E também mensagens de rapazes pedindo para que ele fique no Santos, falando que ele é melhor que o “Messe”, querendo fazer peneira e etc, etc, etc…

Me deu medo.

Quantas pessoas não entenderam e não conseguiram interpretar o meu texto!!! Ô Brasil, de quem é a culpa? Eu me embaralho todo na hora de procurar um culpado, mas não tem como negar que o vilão é o baixo investimento na educação pública. Não vou dar nomes aos bois, porque a manada é grande.

Tem gente que pensa que é a popularização da Internet. Não acho, não. Acho que Internet é uma FERRAMENTA. E, assim como toda ferramenta, é manuseada da maneira como a pessoa quiser, puder e souber.

Caramba, e a gente se preocupa com cada bobagem diariamente e acaba se esquecendo das pessoas ao nosso redor que não conseguem entender nossos textos… Ok, não vamos salvar o Brasil, mas exigir educação de qualidade vai ser bom pra todo mundo. E se eu, um jornalista esportivo sem fama, recebi mensagens de isso e aquilo para o Neymar. Imagina o próprio?

Fico aqui pensando se ele não poderia, além de jogar video-game com Tiago Leifert e posar de cueca para a Lupo, gravar uma mensagem exigindo uma educação de qualidade no ensino público do país. Como é um cara em evidência (peidou, sai na mídia), as pessoas iam dar atenção pra ele e, ainda por cima, espalhar para o mundo inteiro. Porra, Neymar, canta o “Ai se eu te pego”, mas canta também o “Ai, se eu estudo, ai ai, se eu estudo.”

Minha filha fará três anos no sábado (28/01/2011) e, quanto mais gente competente estiver ao lado dela no futuro, será bom pra ela e para o país inteiro.

Um abraço e é bom estar de volta.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Futebol, Geral, Jornalismo

Uma resposta para “Neymar e o analfabetismo funcional

  1. M Clsio

    Cara… Mesmo tendo 20 anos prefiro os exemplos (se tratando de exemplo de jogadores destaques e que estudaram) do Sócrates, Casagrande,Falcão… Vi uma reportagem onde o Leão diz que gosta de Arte, outra onde o Washington aconselha os Jovens a estudar mais… Mas esse fanatismo nem é tanto por causa do futebol, mas sim pelo salário e pelo que a mídia faz….

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s