Arquivo da categoria: Futebol

Olha aí por que o Ronaldinho é importante na Seleção

Um dos jornais mais lidos na Inglaterra, o Daily Mail, deu seu destaque sobre a convocação da Seleção Brasileira.

Ronaldinho chamado novamente para o amistoso charmoso contra Inglaterra, enquanto o trio do Chelsea e goleiro do QPR Julio Cesar estarão lá também

Ronaldinho chamado novamente para o amistoso charmoso contra Inglaterra, enquanto o trio do Chelsea e goleiro do QPR Julio Cesar estarão lá também

Perceberam? O craque do Atlético-MG tira toda a pressão sobre Neymar e Lucas, por exemplo. Neymar ainda foi citado pelo Daily Mail uma vez, enquanto Lucas não foi lembrado nenhuma sequer vez.

Tomara que isto estimule os três, porque é isto que realmente importa. Felipão precisa animar estes jogadores, porque afinal são eles a esperança do Brasil para a conquista do mundial dentro de casa.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Copa do Mundo 2014, Futebol, Seleção Brasileira

Felipão e a primeira convocação

Como jornalista esportivo, torcedor e amante de futebol, me sinto na obrigação de comentar (cornetar) a primeira convocação de Felipão.

São esses os jogadores que vão defender a Seleção Brasileira contra a Inglaterra, dia 6 de Fevereiro, no estádio de Wembley, em Londres:

Goleiros
Diego Alves (Valencia), Julio César (Queens Park Rangers)

Laterais
Daniel Alves (Barcelona), Adriano (Barcelona), Filipe Luis (Atlético de Madri)Zagueiros
Dante (Bayern de Munique), David Luiz (Chelsea), Leandro Castán (Roma), Miranda (Atlético de Madri)Volantes
Arouca (Santos), Hernanes (Lazio), Paulinho (Corinthians), Ramires (Chelsea)

Meias
Oscar (Chelsea) e Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG),

Atacantes
Neymar (Santos), Lucas (PSG), Luis Fabiano (São Paulo), Fred (Fluminense) e Hulk (Zenit)

Foi uma boa lista para um amistoso onde o técnico não poderá fazer grandes milagres, porque não terá tempo pra isso. Ele foi coerente na convocação de alguns jogadores (Fred, Luis Fabiano) e menos coerente na escolha de outros, como Hulk e o goleiro Diego Alves. Hulk poderia ser substituído por algum outro que tenha características semelhantes ao Neymar. E Diego Alves poderia ser trocado por Cavalieri, que sabemos que é melhor e está em alta. Felipão acertou muito na escolha dos volantes Paulinho, Ramires, Hernanes e Arouca.

A respeito de Ronaldinho Gaúcho, gostei. Acredito que o Felipão vai chegar nele e falar: “Bá, tchê, você já está na Copa e será o melhor jogador dela! Agora depende de você provar tudo isso! Vai lá e brilha”.

Nota 8,0 para essa convocação.

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol

Fuleco é nome perfeito para o Mascote da Copa 2014

Fuleco é o nome perfeito para o mascote da Copa do Mundo de 2014.

Afinal, a organização e preparação está meio fuleca mesmo. Os hotéis estão fulecamente preparados para receber a quantidade enorme de turistas. De maneira bem fuleca, os aeroportos estão se reformando e o sistema de transporte crescendo para aguentar a demanda.

É uma fulecagem total, amigo!

Além da infraestrutura fuleca demais até agora, vamos pensar na preparação da nossa Seleção Brasileira. Quando as coisas pareciam que estavam se encaixando, quando o time ganhava uma forma e um jeito de jogar, o fuleco do presidente da CBF, José Maria Marin, mandou o técnico Mano Menezes embora e desmoronou uma preparação. Pode dar certo? Pode, já que em todas as nossas cinco conquistas mundiais o treinador não ficou integralmente no período de preparação entre as copas. Mesmo assim, foi uma atitude bem fuleca do Marin, que teve outras oportunidades para demitir o Mano, mas preferiu com menos de um ano para o início da Copa das Confederações. É um fulecão esse Marin.

Portanto, Fuleco é quase que um tapa na cara da gente. De acordo com os autores do nome, quer dizer Futebol e Ecologia. Como disse um amigo meu, o nome do tatuzinho, que é bonitinho até, deveria ser “Tatudoerrado”. Mas dentre as opções “Amijubi” e “Zuzeco”, o Fuleco é sem dúvida o mais perfeito para representar o que foi feito até agora na organização da Copa do Mundo de 2014.

Antes que pensem que eu sou mais um chato do grupo pessimista, parem por aí. Acredito que vamos fazer uma Copa do Mundo fantástica dentro dos estádios e na hora da bola rolando.

Nos bastidores, nas redondezas, o Fuleco vai deitar e rolar, porque nossos organizadores são reflexo do nosso mascote.

20121127-083750.jpg

3 Comentários

Arquivado em Copa do Mundo 2014, Futebol

A nova torcida do São Caetano

Quinto colocado na Série B do Campeonato Brasileiro, o São Caetano tem um reforço importante e pouco conhecido publicamente. Não estou falando do atacante Danielzinho, que veio do rival São Bernardo, mas sim da torcida Comando.

Fundada em 1995, ela ganhou força em 2004, ano mais importante da história do Azulão e mais força ainda agora no fim da competição, com o acesso à Série A muito próximo. Eles chegam antes do jogo, arrumam as bandeiras, faixas, levam a bateria…

O grupo conta com muitos jovens apaixonados pela A. D. São Caetano. Galera de 20 e poucos anos. Não é o pessoal da Bengala Azul. Os velhinhos ainda têm bandeirão lá, mas quem apoia, canta e grita para os jogadores é a tal da Comando. Não sei quantos são, mas nesta tarde de sábado, quando o time empatou com o Goiás, tinha centenas de pessoas na arquibancada do Anacleto Campanella pulando, incentivado e, o que eu achei mais legal, respeitando.

Estive presente na festa da torcida do azulão e teve uma hora que alguns imbecis começaram a jogar copos de água em direçao ao campo e os torcedores começaram a repreender veementemente. Torcida de gente educada e que está lá para incentivar e não arrumar confusão.

E tem louco naquele bando também! Tem um cara lá que ficou quase que o jogo inteiro pendurado na grade! Deve ter dado uma dor no playground, hein?

O São Caetano soma 68 pontos, dois a menos que Atlético-PR e Vitória, que estão na Zona de acesso ao campeonato principal. Se quiser subir vai ter que vencer o Guarani, fora de casa, e obviamente torcer para que os rivais percam. O Furacão tem o clássico diante do Paraná. Já o Vitória pega o Ceará.

Um abraço.

20121118-093817.jpg

5 Comentários

Arquivado em Futebol

Viva o Francesão!

Dos campeonatos nacionais pelo mundo, o Francês é o mais legal do momento.

O motivo é a liderança do Montpellier, time de quase 100 anos, mas que nunca venceu a competição.

Tem umas copinhas da França aqui, outros torneiozinhos ali, mas nunca venceu o Francesão.

Nos outros países, mais do mesmo.

Inglaterra: Manchester United…

Espanha: Real e Barça brigam pelo título e blá, blá, blá…

Itália: Juventus e Milan trocam a liderança e zzzzzZZzzzzz…

Alemão: o Borussia Dortmund briga com o Bayern de Munique. Legal, né?

No Português, Porto e Benfica, cara!!! Olha que diferente!

¬¬

Na boa, por isso que o Brasileirão é mais legal.

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol

Mais uma aposta ganha: obrigado, Corinthians

Neste domingo eu ganhei mais uma aposta. Depois da vitória do Corinthians por 2×1 sobre o Palmeiras, o estudante de Jornalismo e estagiário do BandSports, Daniel Moretti, teve que vestir a camisa do alvinegro.

Apostar faz bem

Reitero aqui a minha opinião de que apostar faz bem. Acredito que, quando a aposta não está relacionada com dinheiro, mas sim com outra coisa não material, mas sim emocional, acho muito bacana e válida. Também acho que a aposta precisa ser feita com um amigo, maduro e que concorde tranquilamente em perder.

Tem que saber perder!

Lembrando que eu já fiz mais três apostas neste ano:

A última, quando o Corinthians perdeu do Santos por 1×0.

Estagiário santista do BandSports, Bruno Costa

A penúltima, quando o Corinthians ganhou do São Caetano, fora de casa, por 1×0.

Este é o Lucas Colisse, 7/8 jornalista e torcedor do São Caetano

E a primeira delas eu, claro, venci, quando o Corinthians bateu o São Paulo, também por 1×0, no Pacaembu.

André Vasques, o Verón, editor-chefe do BandSports News

Alguém quer apostar também? Garanto a foto no blog!

 

 

1 comentário

Arquivado em Corinthians, Futebol

“Homenagem” do Palmeiras

Não viu

Por que não homenagearam o Chico Anysio enquanto ele estava vivo?

Porque esta “homenagem” não é para homenagear ninguém. É simplesmente para fins de marketing e para competir com o adversário alvinegro paulistano, que é forte nisso.

Todo mundo sabia que o ator estava doente e internado. Por que, então, não homenagearam para o humorista ver e se sentir feliz  ou algo do tipo? Esqueceram que ele existia, né? 

Só lembraram quando morreu e agora querem prestar homenagem?  Por mais criativa que fosse, não gostei.

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol