Arquivo da tag: Felipão

Felipão e a primeira convocação

Como jornalista esportivo, torcedor e amante de futebol, me sinto na obrigação de comentar (cornetar) a primeira convocação de Felipão.

São esses os jogadores que vão defender a Seleção Brasileira contra a Inglaterra, dia 6 de Fevereiro, no estádio de Wembley, em Londres:

Goleiros
Diego Alves (Valencia), Julio César (Queens Park Rangers)

Laterais
Daniel Alves (Barcelona), Adriano (Barcelona), Filipe Luis (Atlético de Madri)Zagueiros
Dante (Bayern de Munique), David Luiz (Chelsea), Leandro Castán (Roma), Miranda (Atlético de Madri)Volantes
Arouca (Santos), Hernanes (Lazio), Paulinho (Corinthians), Ramires (Chelsea)

Meias
Oscar (Chelsea) e Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG),

Atacantes
Neymar (Santos), Lucas (PSG), Luis Fabiano (São Paulo), Fred (Fluminense) e Hulk (Zenit)

Foi uma boa lista para um amistoso onde o técnico não poderá fazer grandes milagres, porque não terá tempo pra isso. Ele foi coerente na convocação de alguns jogadores (Fred, Luis Fabiano) e menos coerente na escolha de outros, como Hulk e o goleiro Diego Alves. Hulk poderia ser substituído por algum outro que tenha características semelhantes ao Neymar. E Diego Alves poderia ser trocado por Cavalieri, que sabemos que é melhor e está em alta. Felipão acertou muito na escolha dos volantes Paulinho, Ramires, Hernanes e Arouca.

A respeito de Ronaldinho Gaúcho, gostei. Acredito que o Felipão vai chegar nele e falar: “Bá, tchê, você já está na Copa e será o melhor jogador dela! Agora depende de você provar tudo isso! Vai lá e brilha”.

Nota 8,0 para essa convocação.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol

Portugal não quer Felipão de volta

Segundo a imprensa lusitana, o presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Gilberto Madaíl, não quer que o ex-técnico do Chelsea Luiz Felipe Scolari comande sua seleção. Para ele, o atual treinador Carlos Queiroz está fazendo um bom trabalho e não há motivos para trocá-lo.

E agora? Para onde Felipão vai?

 

Um abraço.

1 comentário

Arquivado em Futebol

Felipão já na Seleção!

Felipão saiu do Chelsea hoje devido aos maus resultados que o time apresentou. Ou será que houve um complô dos jogadores? Juca Kfouri, em seu blog, culpou a diferença entre os idiomas, exemplificando o caso Vanderlei Luxemburgo no Real Madrid. 

Concordo com ele e digo mais: agora que já saiu, nada de chorar o leite derramado e vamos pensar no futuro. Felipão tem que comandar a Seleção Brasileira.

Choverão propostas, mas a Seleção é o seu lugar. 

 

Um abraço.

1 comentário

Arquivado em Futebol

Para alívio de Felipão, Chelsea goleia Southend

Foi sofrido, mas no final tudo deu certo. O Chelsea ganhou de virada do Southend, 4 a 1.

O resultado foi positivo, porém não deve ajudar muito a limpar a imagem do técnico Luiz Felipe Scolari perante sua torcida. O time adversário era da terceira divisão da Inglaterra.

Imagine o Corinthians, depois de muitas derrotas importantes contra rivais, golear o União Barbarense. Com todo respeito ao time de Santa Bárbara d´Oeste,  os corintianos não valorizariam tanto assim, não é?

O que Felipão precisa é de resultados e devem ser contra times grandes, expressivos e que mostrem que os “blues” estão confiantes. Um torcedor só gastará dinheiro com ingresso, se ver um time estável em campo. Um presidente só dará continuidade a um funcionário, se ele mostrar resultados (e de preferência lucrativos).

Deixe um comentário

Arquivado em Futebol

Segundo PVC, Ronaldo jogará 20% dos jogos

O atacante Ronaldo não sai da boca da imprensa.

Em todos os noticiários do Brasil inteiro isto é provado.

Na área do Jornalismo Esportivo mais séria, livre e que tem os jornalistas mais críticos do país a euforia com a contratação do Fenômeno é nula. A ESPN Brasil tenta mostrar que não é o centroavante de 2002 que o Timão está trazendo.

“A última vez que Ronaldo jogou sete partidas seguidas foi em maio de 2004”, disse Paulo Vinicius Coelho no programa Bate Bola.

Em seu blog e por meio de números, PVC mostra que Ronaldo, quando atuava pelo no Milan, teve só 26% de presença nos jogos.

“No Corinthians ele não terá mais que isso”, e acrescenta, “a culpa é do corpo dele e da dificuldade de emagrecer”.

O restante da mídia parece ser bastante confiável de que isso que PVC está mostrando não deve acontecer. Os canais abertos, cuja hora do almoço de ontem foi 99% de Ronaldo, contam com o retorno relâmpago do atacante.

Não custa sonhar com o retorno dele aos campos. Não custa apostar que aquela surpresa medicinal de 2002, a recuperação inesperada por parte de quase todos, menos o ex-técnico da Seleção Brasileira Felipão, ocorra.

Custa?

Independente de qual time as pessoas torcem, a volta de Ronaldo aos campos no Brasil é boa para o futebol brasileiro, e tem de ser reconhecida até pelos anti-corinthians.

E outra: não podemos esquecer da Seleção e a eterna vaga de camisa 9.

Quem sabe…

Um abraço.

Fonte: Blog do PVC

2 Comentários

Arquivado em Corinthians, Futebol